Novidades do Produto #36: Novos gráficos avançados, Medições de texto, NFC Obrigatório

As estatísticas, quando analisadas com superficialidade, podem gerar interpretações erradas da realidade. É por isso que, quando analiso os indicadores de performance, eficiência e crescimento da Infraspeak, gosto de ir mais a fundo em cada indicador para perceber o porquê de cada evolução.

O termo inglês para esse processo é “drill-down” que significa “passar de informações gerais para informações mais detalhadas”, e é exactamente isso que os novos indicadores do Infraspeak permitem fazer com dois cliques.

Novos Indicadores de Utilizadores

Dentro do módulo de indicadores é agora possível consultar informações detalhadas sobre a performance dos vários utilizadores do Infraspeak, nomeadamente os gestores, técnicos e operadores.

No entanto, para além do simples acesso à informação, os novos indicadores permitem aprofundar cada valor, bastando para isso clicar no número ou barra do gráfico que se está a ver e escolher qual a perspectiva de aprofundamento que se quer (por tipo, por prioridade, etc.). Além disso, é também possível fazer o download do gráfico em formato imagem ou como um ficheiro Excel (.csv), bem como outras funcionalidades de manipulação dos dados.

Demos o pontapé de partida com os indicadores de operadores, mas iremos alargar estas funcionalidades a outros indicadores brevemente.

Medições de Tipo Texto

Até então, no decorrer de uma tarefa, já era possível requisitar ao executante a introdução de valores numéricos (temperatura, consumo, PH, etc.) e valores de escolha múltipla (limpo, sujo, muito sujo) mas havia sempre informações que, apesar de obrigatórias, tinham de ir para as observações (identificação da(s) ficha(s) CENTERM, nome da pessoa que acompanhou o trabalho, nome do fornecedor, etc.).

Para estes e outros casos criamos um novo tipo de medições: as “Medições de Texto”, que permitem ao executante ter novos campos numa tarefa definidos especificamente para a introdução de texto livre.

Leitura via NFC Obrigatória

Até agora, a leitura via NFC tinha como objectivo principal facilitar a interacção entre técnicos e equipamentos, sendo algo opcional (alternativamente é possível aceder à informação do equipamento por pesquisa).

No entanto, em alguma situações pode ser relevante garantir tecnologicamente que o executante de uma intervenção esteve próximo do equipamento ou local quando executa uma tarefa. Nesse sentido, agora já é possível tornar a leitura de NFC obrigatória, sendo impossível abrir um equipamento ou local na app (e consequentemente registar tarefas) sem que seja por NFC.

Maratona de Funcionalidades

Mais uma vez, a equipa de desenvolvimento de produto da Infraspeak dedicou-se a uma verdadeira maratona para dar resposta a pedidos de clientes (obrigado pelas suas sugestões) e pequenas melhorias entretanto identificadas.

Confira a lista de funcionalidades lançadas na nossa maratona:

  • As fotos que tenha sido adicionadas em medições que gerem avarias aparecem também nas avarias geradas.
  • As medições passam a estar em negrito nos relatórios para ter mais destaque e uma visualização mais fácil.
  • A ordenação de medições de auditorias foram corrigidas nos relatórios e na app Infraspeak.
  • As exportações de listagem de trabalhos preventivos agora incluem a coluna “tipo de trabalho”.
  • Ver as descrições associadas às áreas e tipos ao reportar uma avaria na interface “Infraspeak Direct”.
  • Mostrar nome do utilizador autenticado no canto superior direito da interface “Infraspeak Operations”.
  • Reabrir trabalhos na interface “Infraspeak Operations”.
  • Forçar fecho de trabalho na interface “Infraspeak Operations”.
  • Agrupamento de datas (Atrasadas, Hoje, Futuro) com mais destaque na lista de trabalho preventivos na interface “Infraspeak Operations”.
2018-05-11T18:02:52+00:00 By |Novidades do Produto|